Existem diversos smartphones de excelente qualidade disponíveis no mercado e, dependendo da finalidade de uso, alguns modelos podem ser melhores do que outros em questões de desempenho, capacidade e até financeira. Em meio à tamanha variedade de opções, como o escolher a melhor opção para a sua operação? Como identificar, qual o melhor fabricante? Qual o melhor sistema operacional? Quais funcionalidades a mais o aparelho deve ter?

Para te ajudar na tomada de decisão, separamos quatro dicas que irão te ajudar a simplificar o processo. Veja a seguir:

Mapeie as necessidades da empresa, do departamento e, se necessário, de cada colaborador

Identificar as necessidades da sua empresa é, com certeza, o primeiro passo. Os aparelhos serão direcionados para equipes de campo? E será preciso instalação de Apps extras para exercer o trabalho? Ou será somente para o uso de ligações telefônicas e funções básicas?

Além disso, em uma única organização, equipes com diferentes funções têm necessidades diversas em seu dia a dia de trabalho. Portanto, entender quais as necessidades de cada departamento da empresa é fundamental. Veja algumas perguntas iniciais que podem te guiar:

  1. Quais aplicativos corporativos terão de rodar no aparelho e quais são as especificações técnicas para eles?
  2. Qual deve ser a autonomia da bateria para atender as necessidades dos colaboradores de campo?
  3. Quanto tempo deve durar a vida útil do aparelho? Alguns modelos, aparentemente, mais baratos, duram menos e, com isso, precisarão ser trocados mais rapidamente.
  4. Qual deve ser a autonomia da bateria para atender as necessidades dos colaboradores de campo? Caso sua equipe não possa ficar dependendo dos carregadores o tempo todo, dispositivos com baterias de longa duração são fundamentais.
  5. Quão excelente precisa ser a conectividade? Aparelhos mais antigos podem fazer com que alguns recursos não funcionem corretamente, como: Problemas de conexão WI-FI e instabilidade na internet de dados.

Qual a melhor opção: Locar ou comprar os aparelhos?

Qual o orçamento disponível sua empresa tem para a aquisição dos smartphones? Depois de identificar qual o aparelho ideal para o time, é a hora de analisar se a locação do aparelhos, em vez da compra, pode oferecer um melhor custo/benefício.

Pesquise a incidência de roubo e furto para os modelos escolhidos

Um estudo da Mobile Time e da Opnion Box, revela que mais de 100 milhões smartphones foram roubados ou furtados no Brasil. Por isso, outro fator a ser levado em consideração na escolha dos aparelhos: Qual será a exposição celulares? Eles serão alocados à colaboradores em campo que transitam de ponto em ponto de trabalho? Ou destinados à colaboradores em home office, que ficaram com o dispositivo seguro em casa?

A partir disso, também é pertinente a análise da necessidade de contratação de garantir de reposição ou seguro.

Custos com assistência técnica

Durante a vida útil de um smartphone, é comum que o seu desempenho ou funcionamento apresentem algumas falhas. Isto não acontece porque o modelo ou o fabricante escolhidos não tenham qualidade, mas porque os dispositivos precisam de manutenção e monitoramento. Com a necessidade de manutenção, cada revisão ou conserto gera um custo adicional para a empresa. Para facilitar o planejamento, pode-se contratar empresas especializadas em assistência técnica, com serviços de entrega e retirada de smartphones no endereço do cliente e SLA (Service Legal Agreement ou Acordo de Nível de Serviço) de atendimento.